SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número92Concentración financiera en la Ciudad de México (1960-2001)Eficiencia productiva, localización y polarización de la industria en Colombia en el contexto de la integración comercial de los noventa índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


EURE (Santiago)

versión impresa ISSN 0250-7161

Resumen

DE OLIVEIRA, Alberto. Planejamento urbano e geração de empregos: a cidade de São Paulo (Brasil) nos anos 90. EURE (Santiago) [online]. 2005, vol.31, n.92, pp.47-64. ISSN 0250-7161.  http://dx.doi.org/10.4067/S0250-71612005009200003.

Este trabalho buscou demonstrar a convergência de princípios existente entre as políticas de mercado de trabalho e de gestão urbana, destacando sua associação com as teorias pró-mercado. O passo seguinte foi investigar os limites e possibilidades da aplicação desse referencial teórico através do exame das mudanças ocorridas na composição e no estoque de empregos de três importantes espaços de negócios do município de São Paulo: a área Central, a Avenida Paulista e a nova frente de expansão nas imediações das avenidas Luiz Carlos Berrini e Águas Espraiadas. As informações fornecidas pelo Ministério do Trabalho (RAIS) mostraram que, entre 1996 e 2000, diferentemente do defendido pelos teóricos pró-mercado, o crescimento esperado deu lugar a um rearranjo do contingente de empregados entre as três áreas investigadas. O comportamento favorável registrado no eixo Berrini/Águas Espraiadas -derivado do vultoso volume de investimentos- se fez ao lado do decréscimo do emprego no Centro, enquanto na Paulista, a despeito do patamar menos elevado de investimentos, registrou-se também crescimento do número de empregados

Palabras clave : planejamento urbano; mercado de trabalho; município de São Paulo.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons