SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26NECESIDADES DE DOCENTES Y ESTUDIANTES PARA HUMANIZAR LA FORMACION DE ENFERMERÍAIMPORTANCIA DE LA ENFERMERA ESCOLAR SEGÚN LA PERCEPCIÓN DE FUNCIONARIOS DE COLEGIOS BÁSICOS DE UNA PROVINCIA DE CHILE índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Ciencia y enfermería

versión On-line ISSN 0717-9553

Resumen

QUILIANO NAVARRO, Mónica  y  QUILIANO NAVARRO, Miryam. INTELIGENCIA EMOCIONAL Y ESTRÉS ACADÉMICO EN ESTUDIANTES DE ENFERMERÍA. Cienc. enferm. [online]. 2020, vol.26, 3.  Epub 17-Mayo-2020. ISSN 0717-9553.  http://dx.doi.org/10.4067/s0717-95532020000100203.

Objetivo: Determinar a relação existente entre inteligência emocional e estresse académico dos estudantes de enfermagem. Material e Método: Estudo ex post facto, descritivo, transversal na Faculdade de Enfermagem de uma universidade peruana. De uma população de 320 estudantes de Enfermagem matriculados no semestre VII, foi obtida uma amostra não probabilística de 30 estudantes que foram informados e consentiram sua participação. Foram utilizados 2 instrumentos: Um preparado pelo Bar-On, validado para o Peru para medir Inteligência Emocional e o inventário SISCO para Estresse académico. Para medidas psicométricas foi usado o alfa de Cronbach, análise descritiva em tabelas de distribuição de frequências, medidas de tendência central e dispersão. Para encontrar uma associação entre Inteligência Emocional e Estresse acadêmico utilizou-se o Chi2 . O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética do Instituto de Pesquisa da Faculdade de Enfermagem. Resultados: Os estudantes têm pouca Inteligência emocional em relação às dimensões Intrapessoais e Adaptabilidade; a Inteligência interpessoal e as dimensões gerais do humor são as mais desenvolvidas. As cinco dimensões da Inteligência emocional estão relacionadas com episódios de estresse em estudantes que já apresentaram essa situação. Conclusões: Não foi encontrada associação entre as dimensões da Inteligência Emocional e o Estresse acadêmico em Estudantes de Enfermagem do semestre VII. É preciso trabalhar para melhorar a qualidade da educação durante o processo de formação profissional e considerar o aspecto emocional para desenvolver um processo abrangente de ensino-aprendizagem.

Palabras clave : Inteligência emocional; Estresse acadêmico; Estudante de enfermagem; Habilidades sociais.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )