SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número3Una mirada arqueológica de los discursos sobre transexualidad: Modalidades de producción de conocimiento y subjetividadesEnsamblajes socio-técnicos para la producción de intervenciones psicosociales en un programa de Servicio Nacional de Menores de Chile índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Psicoperspectivas

versão On-line ISSN 0718-6924

Resumo

CUNHA, Larissa Santana  e  MARSILLAC, Ana Lúcia Mandelli de. O corpo na contemporaneidade: Uma análise psicanalítica do trabalho na alta complexidade hospitalar. Psicoperspectivas [online]. 2017, vol.16, n.3, pp.29-40.  Epub 15-Nov-2017. ISSN 0718-6924.  http://dx.doi.org/10.5027/psicoperspectivas-vol16-issue3-fulltext-1059.

Este artigo é fruto de uma pesquisa que analisa as inter-relações entre a lógica dominante contemporânea e as práticas de trabalho de profissionais da alta complexidade hospitalar, através de dois analisadores: o corpo e o tempo. Com base na teoria psicanalítica, sustentam-se as concepções destes dois analisadores e o método. A pesquisa envolveu a realização de entrevistas semi-estruturadas com profissionais das unidades de internação e construção de diário de campo. Os resultados revelaram principalmente que há uma forte relação entre o corpo do profissional e do paciente, e que não é simples deparar-se com o corpo enfermo em sua complexidade biopsicossocial. Além disso, indicaram um corpo que cansa e se angustia no trabalho hospitalar em decorrência da relação com o corpo enfermo e com o corpo institucional. Também apontaram um tempo veloz e ágil, que permeia o cotidiano de trabalho do início ao fim, agindo na escassez de reflexões sobre as práticas desenvolvidas na instituição. Conclui-se que estes aspectos interferem nos modos de vivenciar o trabalho e nos processos de produção de saúde.

Palavras-chave : alta complexidade hospitalar; contemporaneidade; corpo; tempo; psicanálise.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )