48Tendencias de los artículos académicos sobre TIC y web social en el período 2013-2017Uso intensivo de herramientas y recursos de profesionalización política en campañas presidenciales: El caso de Colombia 2018 
Home Page  

  • SciELO

  • Google
  • SciELO
  • Google


Cuadernos.info

 ISSN 0719-3661 ISSN 0719-367X

MARCOS-GARCIA, Silvia; ALONSO-MUNOZ, Laura    LOPEZ-MERI, Amparo. Campanhas eleitorais e Twitter. A disseminação do conteúdo midiático no ambiente digital. Cuad.inf. []. 2021, 48, pp.27-47. ISSN 0719-3661.  http://dx.doi.org/10.7764/cdi.48.1738.

Nas últimas décadas, as redes sociais transformaram significativamente o campo da comunicação política. Partidos e políticos incorporaram essas plataformas como uma ferramenta regular na sua estratégia de comunicação. Por sua vez, a grande mídia continua a desempenhar um papel central na esfera política e social. Nesse contexto marcado pela coexistência entre mídias tradicionais e mídias sociais, os atores políticos aproveitam o potencial dos dois espaços de comunicação para expandir a disseminação da sua mensagem. Esta pesquisa examina a relação entre a mídia convencional e o Twitter na campanha eleitoral de 2016 na Espanha. A metodologia combina a análise quantitativa de conteúdo e a análise métrica em uma amostra de 8.199 mensagens publicadas pelos quatro partidos políticos mais votados: PP, PSOE, Podemos e Ciudadanos. Os resultados confirmam que os partidos aproveitam o Twitter para ampliar o impacto de suas intervenções na mídia convencional, sendo especialmente significativo o debate desses partidos veiculado na televisão. Esses dados reforçam a ideia de que os meios tradicionais e novos coexistem e se complementam em um ambiente comunicativo híbrido.

: comunicação política; campanha eleitoral; redes sociais; Twitter; televisão; hibridização.

        · | |     ·     · ( pdf )