SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.78 número3Lactato sérico como marcador prognóstico em crianças gravemente doentesCartas al Editor índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Revista chilena de pediatría

versión impresa ISSN 0370-4106

Rev. chil. pediatr. v.78 n.3 Santiago jun. 2007

http://dx.doi.org/10.4067/S0370-41062007000300013 

 

Rev Chil Pediatr 2007; 78 (3): 330-331

CONO SUR /SOUTH CONE OF AMERICA

Esta sección contiene los artículos originales de las Revistas de Pediatría de las Sociedades de Pediatría del Cono Sur seleccionados en el XI Encuentro de Editores, Buenos Aires, Argentina, 2006, para ser publicados por los países integrantes durante el año 2007.

 

 

 

Secreção na orelha média em lactentes ocorrência, recorrência e aspectos relacionados

Secretion of middle ear in infants. occurrence, recurrence and related factors

 

SANDRA DE O. SAES1, TAMARA B.L. GOLDBERG2, JAIR C. MONTOVANI3

1. Doutora em Pediatria. Docente, Universidade do Sagrado Coração, Bauru, SP.
2. Doutora. Professora assistente, Departamento de Pediatria, Faculdade de Medicina de Botucatu, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Botucatu, SP.
3. Professor livre-docente, Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringología e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP, Botucatu, SP.

Dirección para correspondencia


ABSTRACT

Objective: The present study aimed at evaluating the occurrence and recurrence of middle ear effusion and possible associated factors in the first two years of life of 190 newborns and infants, participants in the interdisciplinary prevention, detection, and intervention program at the Clínica de Educação para Saúde of Universidade do Sagrado Coração. Methods: Newborns and infants were monthly submitted to anamneses, otoscopy, behavioral hearing assessment using sound instruments and pure tones (pediatric audiometry) and tympanometry. Results: The results revealed that 68.4% of infants presented one or more episodes of middle ear effusion during their two first years, with more recurrence among males. Peak occurrence was between four and 12 months of age and, the earlier the first episode, the higher the probability of recurrence. Greatest incidence was during May and August. It was found that, of the variables investigated, the period of exclusive breastfeeding actuated as a protector factor. With respect of risk factors, it was observed that passive smoking, gastro-esophageal reflux and respiratory allergy were related with the recurrences of effusion. Conclusion: Findings revealed the importance of periodic auditory follow-up for infants during their first two years of life, considered to be the critical period of auditory system maturation, during which sensory deprivation can be responsible for damage to the development of speech, language and other auditory abilities.

(Key words: Otoscopy, otitis media, acoustic impedance tests).

RESUMO

Objetivo: O presente estudo objetivou avaliar a ocorrência e recorrência de secreção na orelha média e os possíveis fatores associados, em 190 recém-nascidos e lactentes observados nos 2 primeiros anos de vida, participantes de um programa de prevenção, detecção e intervenção interdisciplinar desenvolvido na Clínica de Educação para Saúde da Universidade do Sagrado Coração. Métodos: Os recém-nascidos e lactentes foram submetidos mentalmente a anamnese, otoscopia, avaliação audiológica comportamental por meio de instrumentos sonoros e tons puros (audiometria pediátrica) e timpanometria. Resultados: Os resultados revelaram que 68,4% dos lactentes apresentaram um ou mais episódios de secreção na orelha média nos 2 primeiros anos, com maior recorrência para o sexo masculino. A idade de maior ocorrência foi entre 4 e 12 meses. Quanto mais cedo ocorreu o primeiro episódio, maior foi a probabilidade de recorrência. Os meses do ano de maior incidência foram de maio a agosto. Das variáveis estudadas, constatou-se que o período de aleitamento materno exclusivo atuou como um fator protetor. Quanto aos fatores de risco, verificou-se que a presença tabagismo passivo, refluxo gastroesofágico, alergia respiratória esteve relacionada à recorrência de efusão. Conclusão: Os achados revelaram a importância do acompanhamento auditivo periódico para lactentes nos 2 primeiros anos de vida, considerando ser o período crítico para o processo de maturação do sistema auditivo, no qual privações sensoriais auditivas podem ser responsáveis por seqüelas para o desenvolvimento de fala e linguagem.

(Palabras clave: Otoscopia, otite média, testes de imitância acústica).


Este trabajo lo puede encontrar en extenso en www.scielo.br

 

Correspondencia:
Sandra de O. Saes
E-mail:
 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons